fev 20 2018

A RESPOSTA – Mario Flavio Moreira.

Published by at 9:21 under Jornalismo

ARTIGO VERMELHO

A RESPOSTA

O biólogo e consultor ambiental Mario Flavio Moreira fez um texto no qual contesta e responde a defesa que o coordenador municipal do meio ambiente Eduardo Pimenta fez do aterramento e do gigantesco estacionamento nas Salinas Peroanas.

MARIO_FLAVIO_MOREIRA_6

A RESPOSTA

Mario Flavio Moreira (*)

Isso só vai aumentar a pressão sobre esse ecossistema. Essa área não tem e nunca terá perfil para ZOC (zona de ocupação controlada) e sim deveria ser ZPVS (zona de preservação da vida silvestre). Isso foi um engodo do Inea, quando aprovou o Plano de Manejo. É CRIME AMBIENTAL SIM !!! pode não ser de direito, mas é de fato. O que a Prefeitura deveria fazer era limitar o tráfego de veículos tanto na Ilha do Japonês quanto na Praia das Conchas. Pra isso existem áreas como a antiga salina da Ogiva que suporta perfeitamente um grande estacionamento, sem causar danos ambientais. Aproveita que a iniciativa privada vai fazer um grande empreendimento nessa área da Ogiva, e utiliza a área destinada a Prefeitura pra esse fim. DO PONTO DE VISTA AMBIENTAL NÃO SE JUSTIFICA QUALQUER TIPO DE USO NA ÁREA DA BOCA DA BARRA / SALINAS PEROANAS.

(*) Biólogo e Consultor ambiental.

 


No responses yet

Comments RSS

Deixe uma resposta