abr 21 2017

JANIO DENUNCIA MANOBRA DO GOVERNO FEDERAL QUE PODE TRAZER GRANDE PREJUÍZO PARA MACAÉ, RIO DAS OSTRAS E CABO FRIO.

Published by at 5:16 under Jornalismo

JANIO-DISCURSO-ALERJ

JANIO DENUNCIA MANOBRA DO GOVERNO FEDERAL QUE VAI TRAZER GRANDE PREJUÍZO PARA MACAÉ, RIO DAS OSTRAS E CABO FRIO.

. A denúncia de Janio foi feita na Assembleia Legislativa.

O Governo Federal está realizando uma manobra que visa trazer – e faço esta denúncia – um grande prejuízo à nossa baixada litorânea, Macaé, Rio das Ostras, Cabo Frio, que é transferir todas as atividades de petróleo da Petrobras de Macaé para São João da Barra, para o Porto do Açu. Se houvesse uma justificativa logística para tal, nós aceitaríamos, mas, o que está por trás desta manobra foi que, para salvar o Sr. Eike Batista dos investimentos feitos no Porto do Açu quando se arrumou um comprador para o Porto do Açu, o Governo Federal, afiançando a manobra, assumiu o compromisso de levar para lá as atividades da Petrobrás. Isso está sendo tratado já há algum tempo. A empresa Edison Chouest Offshore, que hoje detém o controle do Porto do Açu, levou do Governo Federal esse compromisso. Daí, como manobra final, articula-se a paralisação dos poços de petróleo ali da nossa Bacia de Campos, para, depois da requalificação, uma retomada com novas regras e com uma nova área portuária, transferindo-se de Macaé as atividades de petróleo. Esta manobra gerará a economia da região um grande prejuízo; deixará em Rio das Ostras, Cabo Frio, na região de Tamoyos, em Macaé, um grande deserto na relação de emprego; deixará um grande bolsão de miséria. Nós não estamos falando de uma transferência próxima, não, são quilômetros e quilômetros de distância, desemprego em massa. É o que anuncia o Governo com esta manobra de transferir as atividades da Petrobrás e suas subsidiárias de Macaé para o Porto do Açu. É o fim do contrato de trabalho, da relação de trabalho, é a miséria a que se condena o município de Rio das Ostras. Um Estado como o do Rio de Janeiro, que sofre impacto com a atividade de petróleo, não pode ser gerido na irresponsabilidade do interesse meramente especulativo e empresarial, numa manobra montada para salvar os negócios do Sr. Eike Batista e que causa um grande desequilíbrio ao Estado do Rio de Janeiro.
O Porto do Açu foi pensado na direção do minério. O minerioduto se estendeu lá de Minas Gerais, negócios no Brasil foram fechados com a China para viabilizar aquele empreendimento. Com a quebradeira desses negócios, voltam-se as baterias para aquilo que é um negócio estruturado, que é o negócio da Petrobrás ali em Macaé, e, para cobrir um santo, desveste-se o outro. O cobertor é curto em tempo de crise econômica e nós não iremos nos calar e aceitar essa manobra criminosa que fere de morte os municípios de Macaé, Rio das Ostras e a nossa região da Baixada Litorânea.
É isso que está por trás destas manobras, dessas articulações de fundo econômico, de paralisação temporária de atividade e de retorno com novas regras, novas regras e nova praça, um novo parque, um novo porto, nova estrutura, bem longe da cidade de Macaé, bem longe de Rio das Ostras, bem longe da nossa região. Não podemos aceitar e não nos calaremos diante deste absurdo.


One response so far

Uma Resposta to “JANIO DENUNCIA MANOBRA DO GOVERNO FEDERAL QUE PODE TRAZER GRANDE PREJUÍZO PARA MACAÉ, RIO DAS OSTRAS E CABO FRIO.”

  1. empregos guarapuavaon 26 abr 2017 at 11:10

    Eu realmente gosto – sempre que as pessoas
    reunir e compartilhar vistas . Ótimo blog , aguentar!

    Pare em meu blog : empregos guarapuava

Comments RSS

Deixe uma resposta