jun 20 2018

SOBRE A ARTE DE JOSÉ SETTE – Mario Drumond.

Published by at 5:10 under Jornalismo

ARTIGO VERMELHO

SETTE4

Pintura – têmpera em papel cartão.
Medida 47,5 X 33 cm
José Sette de Barros

SOBRE A ARTE DE JOSÉ SETTE

É natural que cineastas se aproximem das artes plásticas; tal como os pintores, também eles compõem para as telas. Há os que desenham ou pintam seus projetos cinematográficos que, em certos casos, acabam se tornando obras plásticas por si mesmas. Não é o caso de José Sette. Suas ideias cinematográficas ele as gera e as mantém na cabeça até que se realizem; sua aproximação com as artes plásticas é visceral e não um acessório de criação.

Desde os começos, a filmografia de José Sette revela no cineasta um artista plástico latente. Certo dia, sabe-se lá qual, mas é relativamente recente, este artista veio à luz. Para quem o conhece não é surpresa a constatação de que o calibre do artista se equipara ao do cineasta.

Mas para o público em geral e, em particular, para o mercado de arte, significa uma boa surpresa a série de guaches de grande formato que ele vem deixando vazar na internet, provocando merecida admiração.

Os experts e os acadêmicos terão dificuldade em enquadrá-los em tal ou qual escola ou linguagem canônica conhecida. Claro, como os filmes dele, é o novo sem neo e sem muros entre as modalidades expressionais.

Modernocuboabstratonaifconcretista?

Que importa? É bom de ver, tem estilo e a mão do artista é tão boa quanto seu olho.

BHte Junho de 2015.

MARIO-DRUMOND

Mário Drumond - Editor de Arte


No responses yet

Comments RSS

Deixe uma resposta